Registar-se!

Login

Recuperar password

Recuperar password? Indique o seu email. Receberá um link de recuperação da password no seu email

Captcha Clique na imagem para alterar os dados de segurança

Login

Registar-se!

Bem-vindo à Praça Pública da Eurostops Torne-se membro da comunidade Eurostops. O registo é grátis, assim como, a colocação de perguntas e respostas.

A história do Autocaravanismo

A história do Autocaravanismo

Toyota Hiace

A história do Autocaravanismo contado pela Eurostops

O CONCEITO

O charme de outros tempos, a paixão e gosto de aventura, o desejo de exploração continuam tal como em aqueles tempos.

Mas, até chegar aos dias de hoje passamos por diversas etapas na história do caravanismo primeiro e autocaravanismo (mais tarde). Realizamos uma pesquisa exaustiva pela história do Autocaravanismo. O resultado é o artigo abaixo descrito. O caso português passa um pouco ao lado, apenas a partir da década de 90 é que toma algum relevo com a importação de autocaravanas de mercados como o alemão e francês. O maiores fabricantes nacionais como a Vimara, Pluma, Pyc e Andrade entre outras, tiveram grande importância no desenvolvimento do caravanismo e autocaravanismo em Portugal.

Foi com esse conceito que a Westfalia criou, com base na Volkswagen Bulli (Pão de Forma T1), a primeira Autovivenda. O conceito era excelente e rapidamente se tornou no sonho de muita gente. O tempo foi oportuno, era a época pós-reestruturação da Grande Guerra, tempo para ‘tomar’ a liberdade e (re)descobir novos horizontes.

Cartaz publicitário da Westfalia anos 50

Durante a década de 50, os maiores inconvenientes eram as fracas motorizações e desempenhos das viaturas em longas distâncias. Na decada de anos 60, os hippies revolucionaram as VW – lets go to California- . O Pão de Forma tornava-se numa Autocaravana/Autovivenda de movimentos e de mobilidade.

A REVOLUÇÃO DOS ANOS 70!

Autovivenda Fiat década 60

No inicio dos anos 70, com a introdução da WC e outros itens de confortos. Quem dizia que este tipo de modalidade e ‘Life Style’ era apenas para hippies, enganou-se! Novos clientes começaram a surgir e a olhar para este tipo de mobilidade com outros ‘olhos’, ao ponto de lhe chamar – AUTOCARAVANA. Em Portugal os tempos eram de revolução a única modalidade (e mesmo assim pouco praticada) era o caravanismo.

Durante a década de 50, os maiores inconvenientes eram as fracas motorizações e desempenhos das viaturas em longas distâncias. Na decada de anos 60, os hippies revolucionaram as VW – lets go to California- . O Pão de Forma tornava-se numa Autocaravana/Autovivenda de movimentos e de mobilidade.A GRANDE DÉCADA DE 80!

Os tempos são de mudança, chegou a década de 80!. Em 1982, o fabricante Dethleffs usou o Chassis Fiat Ducato para iniciar o fabrico da primeira Autocaravana propriamente dita. A Fiat Ducato tornou-se rapidamente o chassis de excelência entre os fabricantes de Autocaravanas. Crê-se que já foram construídas mais de mais de 400.000 Autocaravanas sobre esta plataforma.

Instaladas as funcionalidades básicas, passamos ao conforto da Autocaravanas: marcas como a Hymer, Niesmann conferem ao autocaravanismo luxo e prazer. Em 1984, a Hobby lança a autocaravana perfilada, a Hobby 600 e 700, um conceito que veio revolucionar o marcado. Os fabricantes Alemães, Italianos e Franceses estiveram na vanguarda da tecnologia. Em Portugal a expressão do Autocaravanismo é Zero! Apenas algumas Autovivendas de fabrico nacional.

Hobby 700, um best-seller na Europa central e norte

O AUTOCARAVANISMO PORTUGUÊS

Em Portugal a expressão do Autocaravanismo é Zero! Apenas algumas Autovivendas de fabrico nacional (Pyc, Viamara, Andrade, Pluma entre outras).

 O mercado das Autocaravanas estava em alta (pelo menos no centro e norte da Europa). Em 1986 a Karmann lancou a primeira Autocaravana capuchinho em GfK.

A Bürstner em 1987 a primeira Autocaravana semi-perfilada, excelente para percursos de longa distância. A década termina com uma autocaravana marcante – a Knaus Traveller -, sobretudo pelo design e pela forma ‘bonita’ digno do conceito de féria90′ A DÉCADA DA IMPORTAÇÃO

Os anos 90 trouxeram novos desenvolvimentos ao nível da leveza dos chassis, tecnologias eléctricas, e tornaram a máquinas mais fiáveis e seguras, bem como maiores desempenhos a nível de motorizações, nomeadamante as viaturas equipadas com turbo-diesel e common-rail.

Em Portugal, uau! o mercado Automóvel começa a crescer a um bom ritmo . É a década da importação de carros usados. Foi o pontapé de saída para as primeiras Autocaravanas de renome europeu m Portugal.

Anos 90 – 00 as décadas do crescimento e paixão pela modalidade

O FUTURO É HOJE! Atualmente, existem mais de 150 fabricantes de Autocaravanas (uns maiores outros apenas por encomenda), o que conduz a uma maior concorrência mais aberta e proveitosa para o Autocaravanista.Para além da Fiat Ducato, também outras players entraram no mercado em força, como são os casos da Ford Transit, a Iveco Daily, a Mercedes Sprinter e a Renault Master, entre as mais destacadas.A Primeira Autocaravana 100% Eléctrica já se encontra à venda! – O mercado evoluiu e trouxe novas ideias para cativar um público cada vez mais jovem e jovens com famílias. A Autocaravana deixou de ser branca ou creme e passou a ter cores garridas, designs atravidos associado a um marketing digital convincente. As Autocaravanas modernas são veículos confortáveis, ecológicos, tecnologicamente avançados e destinados a proporcionar importantes mais-valias às vivências dos seus utilizadores.Em Portugal o mercado começa a registar números mais simpáticos em termos de praticantes e autocaravanas registadas. Cresce o número de Áreas Serviço Autocaravanas (ASA) de forma muito positiva o que leva a um aumento da modalidade e visitantes a Portugal.

O futuro do Autocaravanismo

Automóvel começa a crescer a um bom ritmo . É a década da importação de carros usados. Foi o pontapé de saída para as primeiras Autocaravanas de renome europeu m Portugal.A INTERNET: PARA ONDE VAMOS?O conceito cresce com o evoluir da Internet. São divulgados novos destinos que podem ser facilmente alcançados com ajuda de blogs e portais.

Eis que em Portugal surge o primeiro Portal de divulgação do Autocaravanismo de forma mais séria e dedicado. Em 2004 o – Autocaravanismo.net – (Apenas 10 ASA, falávamos mais de Espanha e como funciona uma Autocaravana do que das ASA) mais tarde Intercaravanas e atualmente com a rede de Portais EUROSTOPS da qual fazem parte o AUTOCARAVANISMO.PT e claro EUROSTOPS.EU – Somos pelo Autocaravanismo, praticamente desde o início.

Eurostops no ínicio com o portal Autocaravanismo.net

Trabalho e pesquisa elaborada pela Eurostops

Acerca de: Praça Pública

Somos a rede de postais de Autocaravanismo em Portugal: »» WWW.EUROSTOPS.PT »» SHOP.EUROSTOPS.PT »» FORUM.EUROSTOPS.PT »» QUICKOUTCAMPERS.COM info@eurostops.pt

Deixar resposta

Captcha Clique na imagem para alterar os dados de segurança